Brasileiros buscam meios alternativos para viajar

dc3ba59c-f71f-450a-96f1-b7728a159a5b

Estudo do Ministério do Turismo revela que a intenção de viajar utilizando transportes alternativos mais do que dobrou nos últimos doze meses

Os viajantes brasileiros têm optado cada vez mais por meios de transporte alternativos na hora de embarcar para uma nova viagem. De acordo com o estudo Sondagem do Consumidor – Intenção de viagem, do Ministério do Turismo, a preferência por meios de transporte alternativos, como vans e micro-ônibus, mais do que dobrou nos últimos doze meses entre os brasileiros que manifestaram intenção de viajar, passando de 2,6% em fevereiro de 2015 para 7,9% no mesmo período em 2016.

A mudança de hábito está refletindo diretamente na escolha do destino do turista. O estudo revela que 29,2% dos brasileiros que desejam viajar nos próximos seis meses pretendem visitar destinos turísticos dentro do próprio estado. Em comparação com o índice registrado em fevereiro de 2014, houve um crescimento de 6,1%.

“O turista brasileiro está se planejando cada vez mais, o que amplia as possibilidades de hospedagem e de escolha de meio de transporte. E esse estudo do Ministério do Turismo mostra que o brasileiro está disposto a conhecer cada vez mais a belezas nacionais e também do seu estado”, avaliou o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves.

O estudo também revela que o desejo por meios de hospedagem alternativos, como residências alugadas e albergues, atingiu o maior índice da série histórica. Entre os brasileiros que manifestaram intenção de viajar na pesquisa de fevereiro de 2016, 13,1% revelaram a preferência por hospedagem em albergues e imóveis alugados. Este índice representa um crescimento de 65,8% em comparação com o índice registrado no ano anterior.

No âmbito nacional, o boletim de intenção de viagem revela que 76,3% dos potenciais turistas brasileiros desejam viajar pelo Brasil nos próximos seis meses. O Nordeste segue como a região mais desejada pelos viajantes, com 43,5% das preferências. Já o desejo de viajar para o Sudeste do país foi manifestado por 30,5% dos entrevistados, representado um crescimento de 39,2% em relação ao mês de fevereiro de 2013. A região Sul foi apontada como possível destino para 12,5%, seguida do Norte (8,8%) e Centro-Oeste (4,7%).

ESTUDO – A Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem é realizada todos os meses com duas mil pessoas em Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Juntas, as sete capitais brasileiras monitoradas representam 70% do fluxo turístico do Brasil.

Assessoria