Deputado federal do RN quer prisão preventiva de Lula por incitação à violência Fonte: Portal Grande Ponto

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já causou polêmica logo nos seus primeiros discursos fora da cadeia. O petista deixou a prisão na última sexta-feira (08), após passar 580 dias detido na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR). E, ao discursar para sua militância, disse que o povo brasileira deveria fazer como no Chile e atacar o governo. 

“Declarações dos marginais do PT que acabaram de ser soltos, pela irresponsável decisão de seus ‘ministros-defensores’ do STF, abre caminho para que o Governo Bolsonaro aja para combater a incitação à violência cometida por eles. É o caso de prisão preventiva. Temos Comando!”, disse o deputado federal general Girão Monteiro (PSL) em suas redes sociais.

O parlamentar acrescentou ainda, em outra postagem, que o fato se torna ainda mais grave “quando se trata de bandido aguardando o transitado em julgado”.

Fonte: Portal Grande Ponto

Leave a Comment