Detentos usam ‘teresa’ e fogem do Presídio de Parnamirim, no RN

Detentos do Presídio de Parnamirim, localizado na Grande Natal, usaram uma ‘teresa’ para fugir da unidade na madrugada deste domingo (18). De acordo com o diretor da Coordenação da Administração Penitenciária (Coape), Zemilton Silva, ainda não é possível confirmar o número exato de fugitivos porque a contagem dos presos não terminou. Mas, segundo ele, pelo menos três detentos conseguiram escapar.

Os agentes penitenciários que estavam na unidade prisional no momento da fuga perceberam a ação dos presos e atiraram contra eles. O diretor da Coape informou que um dos detentos que fugia foi ferido pelos tiros.

Até a última atualização desta matéria a Coape não confirmou o número exato de presos que fugiram nesta madrugada. O sistema prisional do Rio Grande do Norte registrou pelo menos 348 fugitivos em 2016.

Fugas de 2016 no sistema prisional do RN:

– Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta: 109 fugitivos em 14 fugas (19 e 21 de janeiro, 21 e 24 de fevereiro, 10 e 13 de março, 10, 16, 18 e 23 de abril, 2 de maio, 8 de junho, 28 de outubro e 26 de novembro);

– Cadeia Pública de Natal, em Natal: 46 fugitivos em 1 fuga (12 de janeiro);

– Centro de Detenção Provisória da Ribeira, em Natal: 46 fugitivos em 5 fugas (12 de fevereiro, 7 de março, 25 de abril , 9 de maio e 31 de julho);

Penitenciária Desembargador Francisco Pereira da Nóbrega, o ‘Pereirão’, em Caicó: 46 fugitivos em 2 fugas (14 de julho e 22 de agosto);

– Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró: 24 fugitivos em 6 fugas (1º, 22, 29 e 30 de janeiro, 8 de março e 22 de abril);

– Centro de Detenção Provisória da Zona Norte, em Natal: 14 fugitivos em 1 fuga (3 de setembro);

– Cadeia Pública de Caraúbas, em Caraúbas:12 fugitivos em 2 fugas (5 de março e 6 de junho);

– Complexo Penal Dr. João Chaves, em Natal: 9 fugitivos em 1 fuga (5 de junho);

– Centro de Detenção Provisória de Parnamirim, em Parnamirim: 8 fugitivos em 2 fugas (25 de março e 7 de junho);

– Presídio Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta: 8 fugitivos em 2 fugas (27 de março e 29 de agosto);

– Cadeia Pública de Mossoró, em Mossoró: 6 fugitivos em 2 fugas (1º de março e 11 de abril);

– Cadeia Pública de Mossoró, em Mossoró: 4 fugitivos em 1 fuga (19 de julho);

– Centro de Detenção Provisória de Macau, em Macau: 4 fugitivos em 1 fuga (14 de janeiro);

– Centro de Detenção Provisória de Patu, em Patu: 4 fugitivos em 1 fuga (4 de abril);

– Centro de Detenção Provisória do Potengi, em Natal: 3 fugitivos em 2 fuga (17 de janeiro, 18 de maio);

– Centro de Detenção Provisória de Ceará-Mirim, em Ceará-Mirim: 2 fugitivos em 1 fuga (24 de janeiro);

– Centro de Detenção Provisória de Jucurutu, em Jucurutu: 2 fugitivos em 1 fuga (8 de agosto);

– Centro de Detenção Provisória de Candelária, em Natal: 1 fugitivo em 1 fuga (24 de junho);

– Cadeia Pública de Nova Cruz, em Nova Cruz : 1 fugitivo em 1 fuga (22 de agosto)

Total: 348 fugitivos

Fonte: http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/2016/12/detentos-usam-teresa-e-fogem-do-presidio-de-parnamirim-no-rn.html