Ditadura disfarçada de de Democracia pune Joesley Batista por dizer a verdade contra Temer

Resultado de imagem para Joesley e Temer
Foto: da Internet

Segundo publicação da Época o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJ-DFT) determinou nesta quarta-feira que o empresário Joesley Batista pague R$ 300 mil ao presidente Michel Temer por danos morais. Joesley vai pagar a multa por ter afirmado, em entrevista à ÉPOCA publicada em junho de 2017, que Temer chefiava “a maior e mais perigosa organização criminosa do Brasil”.

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal precisa desfazer isso em nome da verdade, pois não se pode continuar com esse disfarce de que estamos vivendo uma democracia, quando na verdade é uma ditadura.

Será que o povo brasileiro está cego e surdo. Todos ouvimos as gravações expostas na redes de televisões. Se a prova vai ser útil ou não, no processo criminal, é outra história; questão de doutrina judiciária. Mas condenar um homem por dizer a verdade é no mínimo contrassenso.