Em Natal, sindicalistas marcam o 1º de Maio com protesto contra a reforma da previdência

Antes de partir em caminhada, manifestantes se concentraram na Praça das Flores, no bairro de Petrópolis, na Zona Leste de Natal — Foto: Alan Cléber/Inter TV Cabugi 

Sindicatos e representantes de várias classes de trabalhadores do Rio Grande do Norte saíram às ruas de Natal na manhã desta quarta-feira (1º), Dia do Trabalho, para protestar contra a reforma da previdência do governo federal.

O grupo se reuniu na Praça das Flores, no bairro Petrópolis, na Zona Leste da cidade, de onde partiu em caminhada até a Praia do Meio. A concentração começou às 8h, mas os manifestantes só saíram da praça por volta das 10h.

Alexandre Guedes, diretor da Central Sindical e Popular Conlutas, disse que cerca de 1.500 pessoas devem participar do manifesto. A Polícia Militar não estimou o número de presentes.

Mais cedo, um grupo de sindicalistas da área da saúde fez um ato em frente ao Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, na Av. Hermes da Fonseca, no Tirol.

Fonte: https://g1.globo.com