Escolas se dividem sobre aulas presenciais em Natal após divergências entre decretos; governo diz que vai multar desobediência

Com divergência entre decretos do estado e do município, escola de Natal manteve aulas presenciais nesta segunda-feira (1º). — Foto: Anna Alyne Cunha
Com divergência entre decretos do estado e do município, escola de Natal manteve aulas presenciais nesta segunda-feira (1º). — Foto: Anna Alyne Cunha

As escolas estão funcionando de acordo com o que foi recomendado pelo governo do estado e municipal, mas aí, por incompetência o governo agora determina o fechamento das mesmas.

As divergências sobre a permissão ou não para funcionamento das aulas presenciais nas escolas de Natal dividiram opiniões de pais e instituições. Um decreto publicado pelo governo do estado determinou suspensão das aulas no ensino fundamental 2, no ensino médio e no ensino superior a partir desta segunda (1º). Porém o decreto municipal publicado no mesmo dia autorizou a continuidade das aulas na capital.

O governo quer multar as escolas passando por cima da autonomia dos municípios, o que é inconstitucional. Tudo agora é reagido por meio da ditadura influenciada pela a do STF.

G1

Leave a Comment