Márcia cobra aplicação de recursos destinados por deputados para UTIs infantis

unnamed-10

A saúde do município de Natal e do Rio Grande do Norte foi o tema do pronunciamento da deputada estadual Márcia Maia (PSDB) na sessão plenária desta quinta-feira (20). Ela demonstrou preocupação com o atendimento diante do atraso dos salários dos médicos e cobrou a aplicação de recursos orçamentários destinados pelos deputados, através de emendas parlamentares, para ampliação das vagas de UTIs infantis.

“Nós fizemos a nossa parte. Realizamos reuniões com entidades ligadas ao atendimento médico infantil, fizemos audiência pública e, sensibilizados com a situação, destinamos mais de R$ 2 milhões para a ampliação de UTIs infantis das nossas emendas individuais. Mas até agora não tivemos nenhuma resposta do Governo, a situação continua do mesmo jeito ou pior”, afirmou Márcia Maia, que sugeriu a criação de uma comissão para cobrar a aplicação das emendas.

A parlamentar também relatou a situação dos salários dos médicos da rede estadual e municipal de saúde. “Esses profissionais contratados através da Cooperativa dos Médicos, a Coopmed, estão sem receber salários há 120 dias. Estou muito preocupada com a situação dos hospitais de competência do Governo e do atendimento básico nas UPAs, de responsabilidade da Prefeitura do Natal, que já estão funcionando com uma operação padrão”, relatou. Para Márcia Maia, “a saúde do Estado e de Natal está na UTI”.

Outro ponto abordado foi o documento apresentado pelo Ministério Público, que diz que o Governo do Estado não está destinado o valor exigido pela Constituição Federal para a área da Saúde.

Assessoria