“Os partidos também estão de olho nos Estados, e Bolsonaro não tem nada a oferecer

Eleições 2018 pesquisa CNTMDA
O deputado federal Jair Bolsonaro. NACHO DOCE REUTERS

Para o cientista político Fernando Guarnieri, mestre e doutor pela Universidade de São Paulo (USP) e atualmente vinculado ao Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP-UERJ), o pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL), que foi confirmado como candidato de seu partido na convenção deste domingo, não tem nada a oferecer para os demais partidos. Nem recursos de campanha, nem alianças locais. Isso explica, segundo o especialista no funcionamento dos partidos brasileiros, porque nem mesmo siglas pequenas como o PR ou PRP apostem no ultraconservador.

Ele argumenta que a atuação em bloco desse centrão é uma das novidades da campanha, mas também opina que pouca coisa deve mudar: os dois grandes polos da política nacional continuarão ser o PSDB e o PT, que são os que mais têm estrutura pelo Brasil.

 

Fonte: https://brasil.elpais.com/brasil/2018/07/19/politica/1532027980_446235.html