Seguindo orientaões do Ministério da Saúde e OMS, Natal suspende vacinação de adolescentes sem comorbidades contra a Covid

Vacinação contra a Covid-19 em Natal, Rio Grande do Norte, RN — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi
Vacinação contra a Covid-19 em Natal, Rio Grande do Norte, RN — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Seguindo a orientação do Ministério da Saúde e da OMS, a prefeitura de Natal suspendeu a vacinação de adolescentes sem comorbidades contra a covid-19 após a publicação de uma nota técnica do Ministério da Saúde, segundo confirmou a Secretaria Municipal de Saúde.

A suspensão foi anunciada no início da manhã desta quarta-feira (16), para quando estava marcado o início da imunização de adolescentes com 17 anos sem comorbidades na capital potiguar.

Segundo a coordenadora de vigilância em Saúde, Juliana Araújo, a vacinação segue ocorrendo para adolescentes com comorbidades e o público-geral a partir dos 18 anos.

A nota técnica seguida pelo município foi publicada no sistema do Ministério da Saúde por volta das 21h30 da quarta-feira (15) e é assinada eletronicamente por Rosana Leite de Melo, secretária extraordinária de Enfrentamento à Covid.

“Quando recebemos essa nota, entrei em contato com a gestão e por cautela, por segurança, a gente suspende até que todos os questionamentos sejam esclarecidos, e que a gente possa ter uma vacinação eficaz”, afirmou ao Bom Dia RN, da Inter TV Cabugi.

Juliana informou que procurou o Ministério da Saúde para tirar dúvidas sobre o assunto. O ministério ainda não se posicionou sobre o documento.

O G1 procurou a Secretaria Estadual de Saúde, que afirmou que discute com os municípios a aplicação pelo menos das doses recebidas para este público até o momento.

G1RN

Leave a Comment